Ílhavo

Bandeiras Verdes às Escolas reforça Ílhavo como 100% Eco-Município

Assinalando o encerramento do letivo 2020/2021, a Câmara Municipal de Ílhavo marcou presença nos momentos referentes ao hastear da Bandeira Verde Eco-Escola e que dominaram as atenções nos Estabelecimentos de Ensino do Agrupamento de Ílhavo na última semana de aulas.

As bandeiras foram entregues, durante o ano letivo, a todos os Agrupamentos de Escola do Município, simbolizando as boas práticas ambientais praticadas nas escolas e na comunidade, assim como o reconhecimento do esforço e da importância da sustentabilidade na definição de políticas ambientais.

A atribuição das Bandeira Verde aos 31 estabelecimentos de Ensino (25 escolas e 6 IPSS) reconhece Ílhavo como 100% Eco-Município, galardão conquistado pelo quarto ano consecutivo, lembrando que o Município foi a primeira Autarquia do continente a ter todas as suas escolas reconhecidas como Eco-Escolas.

A Câmara Municipal congratula-se, ainda, pela conquista de dois importantes prémios nacionais – Menção Honrosa – alcançados pelo Centro Paroquial de Ílhavo no concurso “Constrói o teu Ecoponto Amarelo e Recicla” e pela Santa Casa da Misericórdia de Ílhavo (Centro Infantil) no concurso “Desafio UHU: Eco-Pinhata”.

O Presidente da Câmara Municipal de Ílhavo, Fernando Caçoilo, saúda a obtenção das distinções e a renovação do galardão de 100% Eco-Município, “reconhecendo e agradecendo o trabalho e o empenho de todos aqueles que contribuíram e contribuem para tornar mais sustentável o dia a dia da Escola e da Comunidade
O Projeto Nacional de Educação Ambiental Eco-Escolas tem como objetivos encorajar ações, reconhecer e premiar o trabalho desenvolvido pela escola na melhoria do seu desempenho ambiental, gestão do espaço escolar e sensibilização da comunidade.

Em Portugal, o programa é coordenado, desde 1996, pela Associação Bandeira Azul da Europa (ABAE), contando atualmente com a participação e envolvimento de 220 municípios, 1.625 escolas, 3.320 professores e mais de 435 mil alunos. Esta considerável dimensão e a projeção do projeto foi reconhecida, em 2019, no Relatório das Nações Unidas, referente à Década da Educação para o Desenvolvimento Sustentável, como a maior rede de Professores e Alunos do mundo.

Eco-Escolas participantes em 2020/2021:

IPSS

  • Centro Paroquial de Ílhavo;
  • Obra da Providência da Gafanha da Nazaré;
  • CASCI;
  • Centro Social e Paroquial da Gafanha da Encarnação;
  • Santa Casa da Misericórdia/Centro Infantil;
  • Centro Social Padre Kentenich.

Estabelecimentos de Ensino

  • Escola Básica do 1.º Ciclo n.º 1 de Ílhavo;
  • Centro Escolar da Coutada;
  • Escola Básica do 1.º Ciclo e Jardim de Infância da Chousa Velha;
  • Escola Básica do 1.º Ciclo e Jardim de Infância da Gafanha de Aquém;
  • Centro Escolar da Sra. do Pranto;
  • Centro Escolar de Vale de Ílhavo;
  • Centro Escolar da Légua;
  • EB1 Farol da Barra;
  • Escola Básica do 1.º Ciclo e Jardim de Infância da Chave;
  • Centro Escolar Santa Maria Manuela;
  • Escola Básica do 1.º Ciclo e Jardim de Infância da Marinha Velha;
  • EB1 da Cale da Vila;
  • Escola Básica do 1.º Ciclo e Jardim de Infância da Cambeia;
  • Escola Básica da Gafanha da Encarnação Norte;
  • Escola Básica da Gafanha da Encarnação;
  • Jardim de Infância da Gafanha da Encarnação Centro;
  • Escola Básica do 1.° Ciclo da Gafanha da Encarnação Centro;
  • Escola Básica da Gafanha do Carmo;
  • Jardim de Infância da Gafanha do Carmo;
  • Escola Básica do 1.° Ciclo da Costa Nova;
  • Escola EB 2,3 José Ferreira Pinto Basto de Ílhavo;
  • Escola EB 2,3 da Gafanha da Nazaré;
  • Escola EB 2,3 da Gafanha da Encarnação;
  • Escola Secundária Dr. João Celestino Gomes, de Ílhavo;
  • Escola Secundária da Gafanha da Nazaré.

Colocar comentário

Clique aqui para colocar um comentário

Todas as Categorias