Albergaria-à-Velha

Município de Albergaria-a-Velha apoia 11 projetos de negócio

No âmbito do Programa de Incentivos à Criação do Próprio Emprego, o Município de Albergaria-a-Velha vai apoiar em 2022 o desenvolvimento de 11 projetos de negócio no Concelho. Estes abrangem áreas tão diversas como a reparação e cuidado automóvel, saúde, criação de eventos, restauração, prestação de serviços nas áreas de corte e modelação, alimentação saudável, decoração, formação e ambiente.

“Este é um programa com uma taxa de sucesso de 94%”, explicou António Loureiro, Presidente da Câmara Municipal, na sessão de assinatura dos contratos de incentivos, que decorreu ontem na Incubadora de Empresas. O autarca realçou que é importante criar condições para as pessoas desenvolverem a sua ideia e perderem o medo de apostar nela, sendo o Município uma entidade que partilha o caminho e os desafios com os empreendedores, para estes chegarem a bom porto.

Desde a sua criação em 2015, o Programa de Incentivos à Criação do Próprio Emprego já recebeu 142 candidaturas, tendo apoiado 78 projetos. As empresas criaram 102 postos de trabalho e registam uma faturação superior a 3 milhões de euros. A taxa de sobrevivência dos projetos apoiados é de 94%.

O Programa de Incentivos à Criação do Próprio Emprego tem como objetivos incentivar a criação do próprio emprego no Município, apoiar empreendedores a investir e a formalizar a sua ideia de negócio e promover o desenvolvimento da economia local e a criação de condições para a empregabilidade.

O Programa prevê a atribuição de um subsídio anual, não reembolsável, no montante de 3000 euros de forma a facilitar o desenvolvimento da ideia de negócio ou da empresa. Este subsídio pode ser acumulado com um conjunto de apoios à contratação de serviços externos, um para serviços de contabilidade (300 euros/ano), outro para serviços de design e artes gráficas (350 euros/ano) e um terceiro para consultoria financeira e/ou serviços de capacitação (350 euros/ano), totalizando 1000 euros. Salienta-se que o programa municipal venceu, em 2017, o Prémio “Promoção do Espírito de Empreendedorismo” atribuído pela Comissão Europeia.

Além do Programa de Incentivos, os empreendedores podem candidatar-se a um espaço na Incubadora de Empresas, sendo este um apoio cumulativo. Neste momento, o equipamento municipal tem 22 empresas incubadas, quer de forma física, quer de forma virtual, com 47 postos de trabalho.

Na sessão de assinatura dos contratos de incentivos, estiveram presentes Carmo Ambrósio, da AIDA, e Maribel Marques, da SEMA, duas entidades que, juntamente com o Município, fazem a seleção das ideias de negócio a apoiar

Publicidade

Siga-nos no facebook

Publicidade

Feliz Natal e Bom Ano Novo

Send this to a friend