More
    InícioAgendaPeregrinação Poética no Centro de Arte Oliva com o ator Marcantonio Del...

    Peregrinação Poética no Centro de Arte Oliva com o ator Marcantonio Del Carlo

    A “Peregrinação Poética” agendada para as 16h00 deste sábado, 11 de março, vai decorrer num local diferente do inicialmente programado, devido às condições atmosféricas adversas. Assim, em vez do espaço público da Praça Luís Ribeiro e zona envolvente, aquele que pode ser considerado o maior momento de envolvimento comunitário do Festival Literário Poesia à Mesa vai realizar-se no Centro de Arte Oliva (CAO).

    Com a participação especial do ator Marcontonio Del Carlo, serão aí declamados poemas de Eugénio de Andrade (1923-2005), o autor homenageado nesta 21.ª edição do evento, neste ano em que se assinala o centenário do seu nascimento. Ao longo do percurso no interior do CAO, e sob coordenação de Paulo Condessa, comissário do festival, serão realizadas performances por grupos culturais, escolares e associativos da cidade, nomeadamente, “A Bem Dizer”, Associação Cultural Luis Lima, Associação de Jovens Ecos Urbanos, APROJ, CERCI, Fugas Poéticas, TOJ, Universidade Sénior.

    Spoken word e apresentação de livro

    Entretanto, já nesta quinta-feira, 9 de março, pelas 21h30, a Casa da Criatividade acolhe as palavras materializadas por Maze & Spock, num concerto de apresentação do novo disco “Simbiose”, enriquecido com a presença dos convidados Buda XL e Sitah Faya. Uma viagem sonora pelo RAP e spoken word, que integra também o ciclo des espetáculos “Alternativa à 5inta”. Refira-se ainda que, neste âmbito, Maze marcou presença nas sedes de agrupamento de escolas do concelho e no CEI para conversas com jovens do ensino secundário.

    Na sexta-feira, 10 de março, pelas 21h30, a escritora Sara F. Costa apresentará na Biblioteca Municipal o seu mais recente livro de poesia “Ser-Rio, Deus-Corpo”, no qual a autora aborda temas como a vida, a génese, a maternidade e a família, num original registo de toque experimental. Em curso estão ainda diversas outras iniciativas, nomeadamente momentos de poesia em fábricas, restaurantes e escolas.

    Poesia na corda e exposição na biblioteca

    O programa desta 21.ª edição do Festival Literário Poesia à Mesa, promovido pela Câmara Municipal de S. João da Madeira, teve início no dia 1 de março, com atividades como o Concurso Poesia na Corda, em queestendais trocam a tradicional roupa por poemas escritos e pendurados por quem passa. Os vencedores recebem livros.

    No dia 3, abriu ao público, na Biblioteca Municipal, a exposição “A Raiz das Palavras”, sobre Eugénio de Andrade,que resulta de uma parceria com a Câmara Municipal do Fundão, e que ficará patente até abril.  No dia seguinte, a poesia foi servida em andamento, com as declamações do grupo de teatro Sériùs e a música da escola Arte do Som no autocarro da linha verde dos Transportes Urbanos do Município de S. João da Madeira (TUS).

    Até ao Dia Mundial da Poesia

    Mais à frente no programa do festival haverá lugar para a Tertúlia dos Poetas Sanjoanenses (16 de março). o “Poetizando” (17 de março), uma conversa sobre a vida e a poesia de Luis Castro Mendes poeta e diplomata português,  o “Serão Poético” (18 de março), com a presença de João Gil, músico dos Trovante e Ala dos Namorados.

    O encerramento desta edição do evento acontecerá no Dia Mundial da Poesia (21 de março), com o espetáculo em estreia nacional “Branco de Neve – Dicionário para Eugénio de Andrade – 100 palavras”, numa participação do escritor Gonçalo M. Tavares e do coletivo de arquitetos “Os Espacialistas”.

    Redação
    Redação
    Na redação trabalhamos diariamente para o informar de uma forma isenta, trabalhando apenas a verdade. Porque sabemos que preza o nosso valor, porque sabemos que nos segue, nos lê e nos dá o seu apoio.

    MAIS VISTAS

    PUBLICIDADEspot_img