Comunicados Santa Maria da Feira

O Crescer do Ler e do Ser: emoções explicadas às crianças através de minissérie animada

Produzida com recursos locais, a minissérie pedagógica que será levada aos jardins-de-infância do Concelho tem como protagonistas os irmãos Carlos e Bianca e tem como foco as cinco emoções primárias. O projeto O Crescer do Ler e do Ser é uma parceria do Município, Fapfeira e Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade do Porto.

A Câmara Municipal de Santa Maria da Feira tem vindo a apostar no desenvolvimento integral das crianças através de conteúdos educacionais abrangentes e diversificados. O projeto ‘O Crescer do Ler’, levado a cabo há quatro anos nos jardins-de-infância do Concelho, visa sobretudo a promoção da literacia emergente em crianças em final do percurso pré-escolar. A este projeto, acrescentou-se, este ano, a dimensão do Ser, de forma a promover também junto dos mais novos o conhecimento das suas emoções e a contribuir para um desenvolvimento socioemocional mais consistente e gerador de sucesso profissional e pessoal.

Devido ao contexto pandémico e à impossibilidade de levar técnicos e artistas às escolas para trabalhar presencialmente estes conteúdos, o Município, em parceria com a Federação de Associações de Pais e Encarregados de Educação de Santa Maria da Feira e a Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade do Porto, avançou com a gravação de uma minissérie animada, composta por seis episódios, que começará a ser exibida esta semana nos jardins-de-infância do Concelho. A história gira em redor de dois irmãos, Carlos e Biana, que vão descobrindo ao longo do seu dia-a-dia a importância das cinco emoções primárias. Alex (alegria), Edu (tristeza), Isi (nojo), Oli (raiva) e Uriel (medo), emoções retratadas através de bonecos coloridos e com formas geométricas específicas, navegam pelas mais diversas temáticas e acabam, cada episódio, com um tema musical resumo da aprendizagem.

A minissérie foi realizada pelo Teatro Quadrilha e conta com a participação musical da Orquestra Criativa. Com Carla Leal e Paulo Freitas no papel principal das crianças, direção artística de Fernando Leiras, realização de Guilherme Henriques e Catarina Rocha, figurinos de Eduarda Lima, bonecos de Cristiana Henriques e ilustrações de Salvador Lopes, a equipa é feita de recursos endógenos do território de Santa Maria da Feira. A exibição da minissérie nas escolas será acompanhada de um guião de exploração com atividades e tarefas a ser trabalhadas pelas educadoras, que consolidarão os conteúdos junto dos alunos.

O projeto ‘O Crescer do Ler e do Ser’ responde às preocupações manifestadas pelos encarregados de educação ao nível da literacia emergente e da linguagem oral das crianças, visando, sobretudo, a promoção de boas práticas nos jardins de infância. “O Crescer do Ler e do Ser nasce com a intenção de promover o sucesso escolar e implementar aprendizagens significativas. Para um desenvolvimento pleno e harmonioso das crianças e jovens, é preciso trabalhar as emoções. Hoje mais do que nunca, com o contexto que estamos a viver, é preciso ensinar as crianças a conhecer as diferentes emoções e a saber lidar com elas”, diz a vereadora com o pelouro da Educação, Cristina Tenreiro, lembrando que foi necessário “reinventar e procurar novas soluções para continuar o projeto sem deslocações às escolas. Através do que aprendemos com o ensino à distância, apostámos no digital porque sabíamos que assim conseguiríamos chegar a todos. E como? Através do teatro, através destas maravilhosas personagens, que certamente irão encantar todos”.

Todas as Categorias