Oliveira do Bairro

Apresentado o livro ‘Cinco Presidentes’, de Belino Costa

Foi apresentado no passado sábado, 3 de julho, o livro “Cinco Presidentes – Líderes que transformaram Bustos, Mamarrosa e o Concelho de Oliveira do Bairro”, da autoria de Belino Costa.

Em cerimónia que decorreu no Quartel das Artes Dr. Alípio Sol, em Oliveira do Bairro, Maria Alegria Marques, Professora Catedrática Jubilada da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, apresentou a obra na presença do escritor bustuense e de Duarte Novo, Presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Bairro, entidade responsável pela edição do livro.

“Cinco Presidentes – Líderes que transformaram Bustos, Mamarrosa e o Concelho de Oliveira do Bairro” dá a conhecer Joaquim Duarte Sereno, António Francisco Pedreiras, António Duarte Sereno, Jacinto Simões dos Louros e Manuel dos Santos Pato, personalidades cuja vida e ação tiveram um impacto significativo a nível local e regional e que marcaram, cada um no seu tempo, um período histórico que vai de 1825 a 1969.

Antes da habitual sessão de autógrafos, Duarte Novo fez questão de enaltecer o trabalho desenvolvido por Belino Costa, recordando que “desde 2010, que vamos conhecendo algumas das histórias que são contados no livro, através das apresentações que o autor teve a amabilidade de fazer, quer em iniciativas da junta de freguesia, quer a convite de associações, sempre com o propósito de devolver à comunidade as suas histórias, os seus episódios mais marcantes e as suas figuras mais ilustres”.

Maria Alegria Marques destacou o facto da obra ir além das biografias dos “presidentes”, transportando os leitores para “o tempo e as conjunturas políticas, económicas e sociais em que eles viveram”. Segundo a académica, “esta obra desafia o interesse sobre a história de Bustos e ajudará a fixar a memória de tempos e, sobretudo, de homens que, cada um a seu modo e nas suas circunstâncias de vida, tudo fizeram para o engrandecimento da terra que os viu nascer ou que, um dia, decidiram adotar como seu local de vida”.

Por seu lado, Belino Costa definiu a escrita do livro como “um ato de amor”, após um longo caminho de recolha de informação e pesquisa, deixando agradecimentos aos que o ajudaram a concretizar a obra, entre os quais a equipa da Biblioteca Municipal de Oliveira do Bairro e Duarte Novo, com quem disse ter um “laço afetivo” e que acompanhou o trabalho de preparação do livro, ainda enquanto Presidente da Junta de Freguesia de Bustos e depois da União das Freguesias de Bustos, Troviscal e Mamarrosa.

O escritor de Bustos deixou ainda um desafio ao líder da autarquia de Oliveira do Bairro para, através da aposta na Cultura, “chegar ao coração dos bairradinos”

Todas as Categorias