Aveiro

Manutenção e cuidado do parque arbóreo da Avenida 25 de Abril

A Câmara Municipal de Aveiro (CMA) informa que arrancou esta segunda-feira, 05 de abril, uma importante operação de manutenção e cuidado do parque arbóreo da Avenida 25 de Abril, executado pela empresa Tree Plus em estreita ligação com a Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD).

Aos trabalhos em curso precedeu uma avaliação fitossanitária e de risco de fratura das árvores, elaborado pela Tree Plus / UTAD (em anexo) que concluiu que “a condição de declínio dos choupos ficou bem patente (…), por medições dendrométricas, das lesões, identificação dos agentes bióticos e medições da condição do lenho através de resistógrafo”.

Das 70 árvores da Avenida, os especialistas diagnosticaram “19 choupos com acentuado risco de fratura”, considerando como muito urgente, “o abate de 9 dessas árvores” já que “não se vislumbram possibilidades da sua recuperação” e que colocam em risco pessoas e bens. Facto que é possível verificar objetivamente, pelas fotografias do momento de abate das árvores (que anexamos), onde se evidencia o seu estado de adiantada decomposição e o grande perigo em que se traduzia para os transeuntes.

Para as restantes 10 árvores, serão realizadas “podas e tratamentos fitossanitários que ajudem a diminuir o volume e peso das copas, e assim a probabilidade de fratura”.

O relatório executado pelos técnicos e especialistas da Tree Plus / UTAD indica ainda que na sua maioria, as árvores ali existentes “apresentam uma condição débil devido à sua má adaptação ao local, mas sobretudo pela idade avançada, espaço exíguo para as raízes e cortes de pernadas em atarraques”.

Cientes da importância que tem o Parque Arbóreo da Avenida 25 de Abril no desempenho de um papel ecológico e ambiental relevante para a zona, a CMA vai prosseguir com a renovação gradual do património arbóreo.

Esta operação faz parte da reabilitação global da Avenida 25 de Abril (que se encontra em fase final de projeto) e que visa dar a esta artéria mais espaço para os peões, ciclistas e espaços verdes com qualidade e sustentabilidade, evitando que no futuro seja necessário realizar novas operações de abate de árvores.

O projeto de reabilitação desta Avenida prevê assim, a criação de um corredor ciclável, a valorização do espaço público destinado ao peão e a criação de uma plataforma de ligação desde a frente da Escola José Estevão à Praceta Infante D. Henrique (que faz a ligação à Rua de São Sebastião e ao Largo das “5 Bicas”), estando este projeto a ser desenvolvido por Técnicos da CMA e encontrando-se em fase final de execução.

Estudo disponível aqui.

Colocar comentário

Clique aqui para colocar um comentário

Todas as Categorias

    X
    Bem vindo ao Aveiro TV
    O portal da noticioso da comunidade aveirense
    WooChatIcon 0